22.12.07

Presente de loira


Serei maldoso, mas às vezes o estereótipo insiste em perseguir as pessoas.

Foi o que aconteceu com a atriz Danielle Winits, que deu a luz ao seu primeiro filho Noah, na última quarta-feira, 19.

Ela e seu marido Cássio Reis distribuíram uma medalhinha aos amigos e familiares que visitaram o bebê na maternidade.

O detalhe está no texto da medalha (foto acima).

"Confiou a piedade divina,
Sempre me reje,
me guarde,
me governe,
me ilumine,
Amém. Noah."


Sim, "REJE" e não "REGE", como supõe a norma culta da língua portuguesa..

Tudo bem, nem deve ter sido a atriz que escreveu a mensagem mesmo né?....
Fonte: Terra

7 comentários:

Marianna Valente 22/12/07 20:25  

Nossa...essa foi péssima!

A menina que roubava livros 22/12/07 21:33  

haha só pra rir...

Mas não deve ter sido culpa dela,né?rs

Fora isso ótima lembrançinha.^^

Bju

Anônimo,  23/12/07 06:37  

Não seria o correto dizer 'esterEótipo'? Pelo menos é o que diz o Houaiss.

A medalha não deve nem ter sido escrito por ela, mas quanto ao post... Isso sim é que eu chamaria de quebrar um 'esteriótipo' (sic).

=P

Marshall 23/12/07 12:09  

hahaha, muito bom.
Passei pra desejar Feliz Natal!!

abraço

Jackson Jr. 23/12/07 14:41  

ela já é loira e peituda. pra quê mais?

Guilherme.Silva 23/12/07 18:22  

concordo com o colega acima...nesse país, os dois itens já basta.

mas doeu...

introspective 28/12/07 17:09  

"Rege" também estaria errado. A grafia certa é mesmo com G, mas empregar o indicativo nesse caso incorreria num problema de paralelismo. Veja que os verbos seguintes estão todos no subjuntivo: guarde, governe, ilumine. Então o correto seria "reja" - isso se o vervo 'reger' não fosse defectivo e possuísse a forma subjuntiva. A solução nesse caso é trocar o verbo, ou então colocar os quatro no indicativo (mudando todo o sentido do 'poema').

          © Zapping News - Blog Design Emporium Digital | Daniela Milagres

TOP