5.1.09

De novo e de novo

Estive de folga na semana do Natal, por isso, além das compras e da comilança de praxe, debrucei-me em alguns DVDs para aproveitar o tempo de descanso.

A boa surpresa dentre as produções que vi ficou a cargo de "Apenas uma Vez" ("Once", 2006, Irlanda, 85 min., Drama/Romance/Musical). Esse filme/musical me passou batido quando estreou no Brasil, mesmo depois de ter conquistado o Oscar 2008 de melhor canção com a
inspiradora música "Falling Slowly".

Ambientada em Dublin, a história --escrita e dirigida por John Carney-- é simples e te fascina logo de cara. Ele (Glen Hansard) é um irlandês que trabalha e mora com seu pai, que conserta
aspiradores de pó, mas nas horas vagas ganha uns trocados tocando violão nas ruas. Ela (Markéta Irglová) é uma imigrante tcheca que vive de bicos e, quando dá, pratica o que aprendeu de piano em uma loja de instrumentos.

Os dois se encontram e engatam uma forte amizade, que poderia, facilmente, descambar em um relacionamento amoroso. Contudo, está aí a inteligência do roteiro, mesmo se gostando muito, ele não chegam às vias de fato para não perderem a genuína amizade que encontraram um no outro.

Juntos, unem seus talentos para a música e realizam o sonho de gravar um disco. Durante o processo, o espectador é brindado com belas músicas. Cada uma com a letra é mais visceral e mais poética do que a outra.

"Apenas uma Vez" não é um musical no sentido tradicional do termo. As situações não são interrompidas para dar espaço às músicas. Nada de histrionismos e coreografias artificiais. Mas, como um bom musical, toca fundo o coração.


Alugue-o, baixe-o, compre-o, sobretudo, veja-o. Para ouvir a incrível trilha sonora do longa, acesse o site: http://www.foxsearchlight.com/once/

Colhendo informações na internet, li que Glen Hansard e Markéta Irglová começaram a namorar durante as filmagens do longa e lançaram um álbum juntos: "The Swell Season" (ouça aqui). Além disso, Hansard toca na banca The Frames.

Veja a dulpa executando "Falling Slowly" em uma performance no programa David Letterman



I don't know you
But I want you
All the more for that
Words fall through me
And always fool me
And I can't react
And games that never amount
To more than they're meant
Will play themselves out

Take this sinking boat and point it home
We've still got time
Raise your hopeful voice you have a choice
You'll make it now

Falling slowly, eyes that know me
And I can't go back
Moods that take me and erase me
And I'm painted black
You have suffered enough
And warred with yourself
It's time that you won

Take this sinking boat and point it home
We've still got time
Raise your hopeful voice you had a choice
You've made it now
Falling slowly sing your melody
I'll sing along

5 comentários:

Jarbas 6/1/09 10:37  

acredita que peguei nesse filme na locadora, lá na bahia, 150 milhões de vezes e nunca levei pra casa. ai que raiva! odeio fazer isso, e sempre faço! [damn]

t.e.a.g.o. 7/1/09 01:01  

acredita que ja passei varias vezes na locadora, na frente deste filme e não aluguei...

MANS / ANDRÉ 7/1/09 14:45  

#1 na minha lista de filmes!

Serginho Tavares 8/1/09 21:28  

ah! foi esse filme que ganhou o oscar de melhor música ano passado...

          © Zapping News - Blog Design Emporium Digital | Daniela Milagres

TOP