24.9.07

Confusão geográfica


Todo mundo comenta do filme Tropa de Elite.

Vítima de pirataria, ele já circula faz alguns meses em território nacional em qualquer barraquinha de camelô, mesmo que sua estréia em circuito brasileiro só aconteça no dia 12 de outubro.

Pela polêmico conteúdo do longa, que envolve violência policial nas favelas do Rio de Janeiro, Tropa de Elite está sendo notícia em outras partes do mundo também.

Hoje, o jornal britânico The Guardian publicou uma matéria sobre o filme e sobre o realismo do banditismo e das operações policiais cariocas que ele aborda.

Mas o que mais chocou na matéria foi o erro crasso que o texto trouxe:

Based on the life of a special forces operative in Brazil's capital, the film is already proving one of the most controversial pieces of cinema in the country's history
Traduzindo:

“Baseado na vida das forças especiais que operam na capital do Brasil, o filme já está se provando um dos mais polêmicos da história do país."
Sim, o diário britânico escreveu que o Rio de Janeiro ainda é a capital Brasil... qualquer consulta no Google para checar a informação, alertaria o jornal para o erro...

Vejamos pelo lado positivo, pelo menos nossos amigos gringos já não pensam mais que Buenos Aires, a capital da Argentina, é a capital do Brasil.

Agora só falta eles serem alertados que nós não lutamos diariamente com jacarés e que nosso meio de locomoção não é o cipó...

9 comentários:

Jôka P. 24/9/07 15:31  

Alberto, o Rio de Janeiro é a capital cultural do Brasil.
Não tem jacaré aqui, mas tem piranha pra dedéu.
abç!

Ricardo 24/9/07 19:41  

Hauahauhauahauhauahauha!

Rapaz, é que eles não atualizam o Átlas deles há anos!!1

Hauahauahuahua!

Abração!

OS Z ETES 24/9/07 21:51  

Quanto ao filme assisti, aprovei!
Quanto ao jornal... que vergonha. Isso é prova de que o jornalismo só está interessado na venda, fazendo com que profissionais se tornem tão medíocres ao ponto de produzirem matéria sem ao menos fazem um levantamento de dados decente! Vergonha!!!
Até!!!!

ricordo 24/9/07 21:56  

é pra rir ou pra chorar? mas que coisa hein, não sei o que é pior, assistiram a versão pirata (que já disseram que vai ter mudanças) ou confundirem a capital.

Allê Barbosa 25/9/07 02:57  

É incrível como ficamos bons em fazer filmes próximos da realidade, extremamentes violentos, muito sangue, armas, favela, tiros,não?... Desde "Cidade de Deus" tenho pensado mais nisso...
Muito bom o texto, especialmente por vc ter ressaltado o fato de que não importa o quanto tenhamos satélites e computadores, sempre vamos ser índios e brucutus...
Abraço,
Adicionei seu blog

Leo Lazzini 25/9/07 10:48  

ah nao, q preguica q me da de ler essas coisas!!!

pelo menos o filme eh MTO bom, comprei o piratao ja

abraco!!

Déa 25/9/07 13:50  

Olhe, eu sou uma pessoa boa e meu ex-marido era britânico... Eu os admiro bastante.. Vou referir achar que foi apenas porque eles pegaram a cópia pirata sem legenda e aí tiveram dificuldades de compreensão, ok? (É... Hoje eu estou zen!) Beijos

Fernando 25/9/07 19:22  

logo o meu favorito ''the guardian'' ! hehe ... anyway , acho a cobertura sobre o brasil na midia inglesa fraca , e mais de 50 por cento do que eles falam sao sobre fatos que aconteceram no Rio . abraco

marina,  27/9/07 11:39  

eu fiquei triste, muito triste!
rio de janeiro capital? faça-me o favor! volte a escola ¬¬

          © Zapping News - Blog Design Emporium Digital | Daniela Milagres

TOP