23.11.08

Cresce número de personagens gays em séries dos EUA

Cena do "casamento" de Scotty e Kevin, de "Brothers & Sisters"

Muito interessante a reportagem de capa da "Revista da TV", do jornal O Globo, de hoje. Intitulada, "Assumidos e cada vez mais exibidos" (leia na íntegra aqui), a matéria da jornalista Simone Mousse traça um panorama da representatividade dos personagens homossexuais nas produções de TV dos EUA nos últimos anos.

Segundo o instituto Glaad (Gays & Lesbians Alliance Against Defamation), nesta temporada, subiu para 2,6%, contra 1,1% do ano passado, a participação de personagens LGBTs nas tramas.
Parece pouco, mas a projeção ganha mais relevância quando se olha para os papéis em disputa. Quase todos envolvidos diretamente nas histórias centrais dos seriados.

A reportagem cita como exemplo (e da de foto de capa) o par de "Brothers & Sisters", Scotty (Luke MacFarlane) e Kevin (Matthew Rhys). Além disso, tratam da irmã lésbica de Marge, Patty Bouvier, de "Os Simpsons" e da dra. Callie Torres (Sara Ramirez), de "Grey’s Anatomy".

"Ugly Betty" não está de fora e conta com três personagens: Marc (Michael Urie), Cliff (David Blue) e a transexual Alexis (Rebecca Romji). Mas faltou citar o querido Justin Suarez (Mark Indelicato).

O Glaad lembra, no entanto, que ainda é pequena a diversidade gay mostrada nos programas de tv. A maioria dos personagens são homens e brancos, diz a matéria.

Brasil

Para a reportagem, também foram ouvidos os autores de novela Silvio de Abreu e Antônio Calmon, ambos apontam melhora do quadro de preconceito no Brasil. Para Abreu, o beijo gay em uma novela vai acontecer "mais dia menos dia".

7 comentários:

Jôka P. 23/11/08 23:12  

Na capa da revista da TV um beijo entre dois personagens de "Brothers and Sisters", e se não me engano, o primeiro beijo gay em uma capa de jornal "careta".

23/11/08 23:15  

Ah!!!
Viva os gays!!
8-D

Klero 23/11/08 23:58  

=D
Comentário fútil sobre o assunto (posso?)
Acho o Scotty tão fofo!!

Provavelmente não há citaçào sobre o sobrinho de Betty por causa da idade. O seriado mesmo não toca no assunto - em teoria, a sexualidade não está definida ainda na idade dele, mas "se formando". (discutível, mas...)

Serginho Tavares 24/11/08 00:41  

o Brasil precisa crescer mas está muito atrasado
MUITO
educaçao aqui é algo que ta looooooooooooonge das pessoas entenderem que os gays existem
estamos aqui
mas enquanto acharem que existimos apenas uma vez ao ano nas paradas gays...esse beijo gay que o silvio de abreu acha que vai surgir "mais dia menos dia" cada vez fica no menos dia...

adorei o post

Alexandre Lucas 24/11/08 03:20  

A evolução é lenta, porém inexorável. E Brothers & Sisters é tudo de bom, com um elenco de cair o queixo.

Déa 24/11/08 09:53  

Eu e meu pavor de TV aberta: eu jurava que esse beijo já tinha rolado a mais tempo! Gente! Que horror! Mas um dia ele sai!
Beijos

Too-Tsie 24/11/08 10:08  

Enquanto isso na terra tupy...só dá bichinya caricata em zorra total da vida e feminina truqueira na novela das 8.

Estamos BEM!

          © Zapping News - Blog Design Emporium Digital | Daniela Milagres

TOP